22/05/2017 às 09h01min - Atualizada em 22/05/2017 às 09h01min

Rebelião na cadeia pública terminou ontem

A rebelião na cadeia pública da 19ª Subdivisão Policial de Francisco Beltrão acabou na manhã deste domingo, 21, após a PM intervir com negociadores que conseguiram acertar uma rendição pacífica dos detentos. Ao todo 10 presos foram transferidos para a Penitenciária Estadual de Francisco Beltrão e o restante, 93 ficaram na 19ª SDP.

O Comandante do 21º BPM, Major Edson Roberto da Silva, avaliou a negociação como um sucesso, principalmente porque “não foi necessário o uso da força, ainda que a PM estivesse preparada caso fosse necessário”. Major frisa o quanto é importante o papel do negociador treinado, tendo em vista que outras autoridades já vinham tentando negociar e não conseguiram a rendição dos presos, a PM possui cursos específicos para esse tipo de intervenção e, em situações como essa, é possível ver o quanto o treinamento dá resultado na prática. Participaram da ação 101 policiais militares de diferentes grupos como a RPA, Rotam, Rocam,Choque, de diversas unidades como o 5º CRPM, 21º BPM, 3º BPM, 6º BPM e BPFron. Toda a operação foi coordenada pelo Comandante Regional, Coronel Washington Lee Abe.

Os 103 presos se rebelaram no início da noite de sábado e entre os motivos alegados foi a retirada de um aparelho celular, que aconteceu na sexta-feira, após revista realizada pela Rotam do 21º BPM. A Polícia Militar realizou a guarda externa dos muros durante toda a madrugada, evitando fugas, e durante toda a manhã de domingo, depois da rendição dos presos, foi realizada a inspeção pessoal e revista das celas, para levantamento de danos materiais na estrutura da cadeia.

Fonte: Rede Peperi


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »