13/12/2017 às 09h06min - Atualizada em 13/12/2017 às 09h06min

Polícia Federal deflagrou operação em cidades da região

A Polícia Federal deflagrou, na manhã de terça-feira, dia 12, as Operações Pandora e Polegar, que investigam fraudes previdenciárias. A Operação Pandora investiga fraude na obtenção de benefícios deferidos judicialmente. Durante as investigações, a polícia constatou que, quando o INSS indefere o requerimento - ou por não reconhecer que a pessoa tem a condição de segurado, a pessoa, recorre ao judiciário, obtendo, então, o benefício através de processos.

Segundo a PF, nas investigações foram detectadas fraudes principalmente nos benefícios rurais. Comerciantes, donas de casa, pessoas que sempre tiveram empregos informais, são "transformados" em agricultores e obtêm benefícios como segurados especiais, sem qualquer contribuição ao INSS. Há casos de pessoas extremamente jovens aposentadas por invalidez ou recebendo auxílio doença. Há casos em que até pessoas mortas foram transformadas em agricultores, para que então o herdeiro reivindicasse pensão por morte. A investigação constatou que um homem foi aposentado por invalidez porque estaria praticamente cego, porém ele dirige carro e moto.

Outro exemplo é de uma mulher que foi dada como incapacitada, mas exibiu fotos no Facebook fazendo levantamento de pesos na academia. Um terceiro caso é o de um homem que se dizia incapacitado para o serviço pelas fortes dores que sentia, porém participa de um time de futebol. Dois servidores da justiça estão sendo investigados. A Procuradoria do INSS apontou que, entre os anos 2012 e 2016, foram deferidos judicialmente 1.247 benefícios previdenciários em uma comarca paranaense. Eles geram um custo anual para o INSS de aproximadamente 11 milhões de reais.

Foram cumpridos 35 mandados de busca e apreensão e a 28 mandados de condução coercitiva em escritórios de advocacia e residências de investigados em Francisco Beltrão, Salgado Filho, Flor da Serra do Sul, Barracão, Bom Jesus do Sul, Foz do Iguaçu, Fazenda Rio Grande, Dionísio Cerqueira, Palma Sola, Sapiranga, São Paulo e Confresa/MT.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »