14/03/2019 às 08h59min - Atualizada em 14/03/2019 às 08h59min

6 mil pessoas no rodeio de Campo Erê

A estimativa de público feita pela patronagem destaca o sucesso do evento mesmo com a chuva no fim de semana

Nos dias 8, 9 e 10 de março aconteceu em Campo Erê, na sede do CTG Estância do Oeste, o 39º Rodeio Crioulo Interestadual. O evento, é um dos maiores do Oeste, atrai público dos três Estados do Sul e conta com uma das melhores estruturas em sua sede campeira para abrigar os visitantes.

Conforme o patrão do CTG Nivio Bernardt, em laçadores foram mais de 90 equipes participando, com representantes de 40 municípios da região. “O público estimado que circulou no evento, ao longo dos três dias, foi de aproximadamente 6 mil pessoas. Como teve bastante chuva na sexta e tempo fechado no sábado nós nem cobramos ingresso para adentrar no parque, dessa forma não temos como saber exatamente o número de participantes, mas no domingo o parque estava lotado com o público presente”, salienta.

Conforme a patronagem apesar da chuva é surpreendente a participação dos CTGs, laçadores e público no evento. Além de todas as provas de laço e armadas, houve ainda baile campeiro com o Trio da Terra na noite de sábado e a oração da Ave Maria. No momento da oração todas as vozes se calaram e as milhares de pessoas que estavam presentes se reuniram em torno dos cavaleiros que adentraram na campeira para juntos refletirem com o narrador. Foi falado sobre o amor, sobre a cultura gaúcha e o papel da fé na vida campeira. A emoção tomou conta de muitos participantes que estavam acompanhando o momento de reflexão e reza. Conforme o narrador eventos como esse destacam a importância de manter o amor à tradição, aos costumes e a todos que nos rodeiam.

Uma das pessoas que participou do rodeio, e do momento da Ave Maria, foi Ademar Inácio Marcelino (mais conhecido como Deco), que tem 66 anos e mora em São Ludgero. Deco viajou aproximadamente 700 quilômetros para estar presente no Rodeio de Campo Erê. Ele conta que não é a primeira vez que vem participar do rodeio. “Eu tenho muitos amigos aqui na região de Campo Erê, e já faz uns sete anos que laço aqui nos eventos. Mas o rodeio de Campo Erê é especial, pra ti ver com a chuva que está e o parque está cheio”, destaca.

Deco enfatiza que o rodeio tem fama em todo o Estado. “O que encanta mais no rodeio aqui é a amizade que a gente constrói com as pessoas que encontramos. É uma tradição forte, onde prevalece a educação e o bom exemplo para todas as famílias que vem aqui. Muita coisa a gente pode comprar, mas a amizade que construímos e as boas lembranças com o tradicionalismo é algo que não tem preço”, enfatiza.

Deco laça representando São José do Cedro, pelas amizades que tem e o contato com o CTG do município. “Mais importante do que ganhar no rodeio é as coisas boas que vivemos aqui na campeira”, afirma.

A patronagem enfatiza o sucesso do evento e agradece a todos que participaram. “Agradecemos a quem nos ajudou a organizar a estrutura e trabalhou nos dias do rodeio para que tudo estivesse pronto e preparado da melhor forma para receber os visitantes. Agradecemos aqueles que vieram participar, competir, assistir. Enfim, quem nos ajuda a construir um bom rodeio são vocês e mais uma vez este foi um sucesso”, finalizam.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »