04/04/2019 às 10h29min - Atualizada em 04/04/2019 às 10h29min

Júri condena réus a mais de 59 anos de prisão

Em julgamento que durou aproximadamente 12 horas, o Tribunal do Júri da Comarca de Campo Erê condenou os cinco réus a pena que totalizou mais de 59 anos de prisão.

O juiz Dr. Valter Domingos de Andrade Junior resumiu a leitura da sentença, com aplicação de 14 anos e 8 meses de prisão para o réu Ademir Farias de 27 anos, e 12 anos para Ronaldo da Rocha, 29 anos.

Já os réus Renato dos Santos Correa, 24 anos e Márcio Fernando Farias de Guadros de 22 anos, foram condenados a 10 anos e oito meses de prisão.

Os crimes aos quais os réus foram condenados são de disparo de arma de fogo e de tentativa de homicídio, crime ocorrido em janeiro do ano passado.

O conselho de sentença estava formado por cinco mulheres e dois homens. Na defesa dos réus atuaram os advogados Angelita Bach, Adilson Raimundi, Reasilva Raimundi, Neri L. Balsan e Silvia R. Siega, enquanto na acusação a promotora de justiça Daiany Cristine Silva Azevedo e na presidência o juiz Valter Domingos de Andrade Junior, bem como os servidores da justiça e assessores do Ministério Publico, seguranças do Fórum e Deap e um grande numero de policiais militares.

O público voltou a lotar as cadeiras disponíveis no salão do júri, já que houve uma redução nos espaços, onde os réus foram posicionados.

Fonte: Campoere.com


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »