04/05/2019 às 09h09min - Atualizada em 04/05/2019 às 09h09min

Construindo um debate sobre saúde em SC

Secretária de Saúde de Palma Sola Participa do 70° Congresso de Secretarias Municipais de Saúde de Santa Catarina

Em abril, secretários municipais de saúde de Santa Catarina reuniram-se em Piratuba, para discutir questões sobre aplicação de recursos financeiros vinculados e saldos em conta e os desafios na operacionalização da PNAB em SC. O evento também contou com apresentações da mostra: "Aqui tem SUS".

O Conselho de Secretarias Municipais de Santa Catarina – COSEMS, realizou no período de 10 a 12 de abril, em Piratuba/SC, o 70° Congresso de Secretarias Municipais de Saúde. A secretária de Saúde de Palma Sola, Débora Prevedello, participou do encontro. De acordo com Débora, o congresso abrange uma série de informações, oficinas, seminários, palestras, discussões em que os gestores participam de um debate importante de troca de experiências. Concomitante ao congresso, aconteceu a reunião da comissão de gestores bipartite, onde 9 representantes dos Municípios e 9 representantes do Estado discutem e aprovam as ações de política de saúde a serem implantadas ou implementadas no Estado de Santa Catarina.

“Além desta importante reunião de decisão, de deliberação, este ano teve também a amostra “Aqui tem SUS”, que são experiências de sucesso, onde os municípios após um período de pré-classificação fazem apresentações de experiências que deram certo no sistema único de saúde nas mais diversas áreas. Também é importante destacar a implantação e operacionalização da política Nacional da Atenção Básica (PNAB), discussão a respeito da governança e gestão do SUS, amostra catarinense entre outros diversos assuntos de extrema importância debatidos para assegurar à saúde da população”, destaca Débora.

No Congresso ocorreu também a Assembleia Geral da COSEMS e a eleição da nova diretoria do biênio 2019/2020. Pela primeira vez na história houve eleição municipal onde duas chapas concorrentes fizeram disputa no voto porque até então, sempre houve (quando tivesse mais de um candidato), consenso entre os candidatos.

Demostrando assim, a importância da participação dos gestores em campo adequado para a troca de experiências e para a construção conjunta de soluções para as demandas da saúde nos Municípios e no Estado de Santa Catarina. Débora finaliza dizendo que o Congresso dos Secretários é o local adequado para além da troca de experiências, oficinas e seminários os gestores viverem um momento importante de formação e capacitação, considerando que não existe uma escola que capacite ou forme especificamente gestores municipais.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »