17/04/2020 às 14h11min - Atualizada em 17/04/2020 às 14h11min

Brasil terá novo pico de frio e geadas podem ocorrer

Canal Rural

Uma massa de ar frio continua atuando sobre o Brasil, estendendo-se do Rio Grande do Sul até São Paulo e sul de Mato Grosso do Sul. De acordo com o meteorologista Willians Bini, da Somar, a previsão é de que o sistema continue atuando no interior do país. Na madrugada desta quarta-feira, 15, a região Sul registrou temperaturas bem baixas e, consequentemente, geadas. O município de Palmas (PR), por exemplo, chegou a 0,6 ºC. Em Urupema (SC), os termômetros marcaram 1 ºC.

Segundo Bini, a massa de ar frio continuará avançando e deve ganhar força na madrugada desta quinta-feira, 16. No sul do Paraná, região produtora de feijão, há condição para geada. "Em Prudentópolis, a mínima foi de 7 ºC nesta madrugada e a expectativa para a próxima é de 3 ºC, com possibilidade de geadas menos abrangentes. A partir de sexta a temperatura volta a subir", diz.

A previsão do tempo indica outras massas de ar frio na virada do mês e em meados de maio. "Os sistemas podem chegar até o sul de Minas Gerais, mas sem frio muito intenso nessas áreas", afirma.

E as chuvas?

Bini conta que, para o período, as instabilidades continuam bastante atuantes no Brasil, assim como a Zona de Convergência Intertropical (ZCIT). As condições de chuva continuam concentradas mais fortemente no Centro-Oeste, Norte e Matopiba. "Nesse último, inclusive, pode chover de 30 a 100 milímetros. Áreas de algodão podem ser prejudicadas pelo excesso", pontua.

A gangorra das precipitações segue funcionando: enquanto a chuva aumenta na faixa norte, diminuem mais ao sul. O meteorologista relata que já há produtores de laranja de São Paulo tendo fazer irrigação.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »