24/04/2020 às 13h46min - Atualizada em 24/04/2020 às 13h46min

Estiagem preocupa setor produtivo em Santa Catarina

Epagri

A falta de chuva já traz prejuízos para o meio rural e preocupa o setor produtivo de Santa Catarina. Desde junho de 2019, o estado vem passando por uma estiagem que já é considerada a mais severa dos últimos sete anos. Quase todas as regiões do Estado estão com déficits acumulados, nos últimos doze meses, superiores a 500mm.

Segundo Meteorologista da Epagri/Ciram, Clóvis Levien Correa, o déficit de chuvas no último mês de março foi superior a 100mm em praticamente todo o Estado (Figura 1) e a previsão para os próximos 5 e 15 dias, mostra que não haverá chuvas significativas até o final do mês de abril para reverter o quadro de estiagem no Estado.

 

Desse modo, a situação hidrológica no Estado é preocupante. De acordo com o pesquisador de hidrologia da Epagri/Ciram, Guilherme Miranda, 25 estações de acompanhamento hidrológico situação de Estiagem, sendo 12 em situação de EMERGÊNCIA, 7 em situação de ALERTA e 6 em situação de ATENÇÃO. Ou seja, os níveis dos rios estão críticos para o atendimento das necessidades hídricas do setor produtivo.

Esse cenário atual da estiagem em Santa Catarina foi apresentado, por meio de vídeo conferencia, no último dia 22 de abril, para as lideranças do setor produtivo. Entre os presentes estavam o Secretário de Estado da Agricultura, Pesca e Desenvolvimento Rural, o Secretário Adjunto de Estado da Agricultura, Pesca e Desenvolvimento Rural, Diretores, Gerentes regionais e técnicos da Epagri, Presidente da CASAN, Presidente da FAESC, Presidente do SINDILEITE, Diretor Superintendente da OCESC, Diretor Executivo da FECOAGRO.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »