18/06/2020 às 14h11min - Atualizada em 18/06/2020 às 14h11min

Cedro recebe protetores faciais fabricados pela UDESC

Assessoria
Os EPIs foram fabricados pelo Centro de Educação Superior do Oeste - CEO, da Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC, e foram adquiridos pelas instituições de saúde das 19 cidades que compõem a Associação dos Municípios do Extremo Oeste – AMEOSC por um preço significativamente baixo.
Segundo informações do presidente da AMEOSC e prefeito de São José do Cedro, Plinio de Castro, a iniciativa foi coordenada pelo técnico Eder Agostini, representante do Núcleo Extensionista Rondon na UDESC Oeste.
 
“A entrega desses EPIs no dia de hoje pela AMEOSC, distribuído proporcionalmente entre os 19 municípios, é o resultado de um grande esforço de vários atores em benefícios do serviço público, primeiramente para a proteção dos profissionais de saúde e em segundo lugar pela economia gerada para os cofres públicos municipais”, disse Plinio.
 
O prefeito explica que o valor que estava sendo praticado nas licitações, era de R$ 23,75 a unidade. “Adquirimos, por meio da AMOESC, 4.800 protetores faciais por menos de R$ 1.00 a unidade, isso gerou uma economia de R$ 109.000,00. Só em São José do Cedro, com as 375 unidades, economizamos em torno de R$ 8.500,00”, destacou o Prefeito, “isso só foi possível graças a uma junção de forças do Ministério Público de São Miguel do Oeste e uma empresa de Maravilha, mas principalmente, pela parceria entre a AMEOSC e a UDESC. Esses protetores vão dar mais segurança para os profissionais que estão na linha de frente da Covid. Ficamos muito felizes por essa situação e especialmente pela atuação que a AMEOSC vem desenvolvendo, ” finalizou.
 
Em São José do Cedro, a entrega de 375 protetores faciais aconteceu na manhã desta quarta-feira, 17. De acordo com o Prefeito, esta é mais uma ação que visa proteger os profissionais de saúde e minimizar os riscos de transmissão da Covid-19 no Extremo Oeste do Estado.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »