16/10/2015 às 09h25min - Atualizada em 16/10/2015 às 09h25min

Paralisação de bancários provoca prejuízos e incertezas

Redação
Santa Catarina

         Passados 10 dias desde o início da paralisação dos bancários, o comércio e os serviços dos municípios catarinenses amargam prejuízos em razão da queda no movimento e das dificuldades operacionais para honrar compromissos com fornecedores. Grande parte dos comerciantes ainda tem o hábito de utilizar fisicamente as agências bancárias para os pagamentos, em detrimento das transferências digitais, ainda não assimiladas pela maioria dos clientes.

         E os consumidores enfrentam dificuldades nas operações nos caixas automáticos, mais habituados ao atendimento humanizado nas agências. Além disso, os bancos fechados e a falta de dinheiro vivo reduzem as idas às lojas, em especial dos moradores de áreas rurais ou dos bairros de cidades maiores.

         No atual cenário de retração econômica o problema ganha dimensão ainda maior e a Federação das CDLs de Santa Catarina aguarda ansiosa que a Justiça do Trabalho consiga fazer com que as partes em litígio cheguem a um acordo capaz de encerrar a greve, minimizando os prejuízos do varejo e dos consumidores.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »