31/03/2021 às 16h07min - Atualizada em 31/03/2021 às 16h07min

Homem que tinha mais de 300 larvas alojadas no rosto passou por cirurgia

Depois de procurar atendimento três vezes morador de Clevelândia finalmente recebe diagnóstico

Clevelândia online
Um morador de 45 anos procurou uma Unidade de Pronto Atendimento na cidade de Pato Branco na manhã do dia 26, lá foram retirados do seu rosto os mais de 20 larvas, devido ao inchaço e as dores que o paciente sentia e para ter certeza de que não haviam mais, ele foi encaminhado na tarde do mesmo dia para exames de imagem na Policlínica Pato Branco, e após a equipe médica constatar a presença de mais larvas ele foi internado para intervenção médica.
A filha do paciente contou que o homem relatou para a família que na segunda-feira, 22, uma mosca havia entrado em seu nariz, mas que rapidamente foi retirada e morta, já no dia seguinte ele começou a sentir dores e irritação na face, procurou atendimento médico mas não teve diagnóstico, as dores persistiram e além do inchaço no rosto o nariz começou a sangrar, o homem então procurou socorro por mais duas vezes e recebeu o diagnóstico de infecção na garganta, mesmo em tratamento na sexta-feira, 26, não suportou as dores e sob orientação da filha foi até Pato Branco e recebeu o atendimento na UPA.
Na terça-feira dia 30, ainda internado o paciente precisou passar por uma cirurgia pois as larvas já se encontravam por todo rosto, bochechas, área do olhos, interior do nariz e região da testa foram os locais mais afetadas, após a intervenção cirúrgica o número de parasitas retirados passou dos 300.
O paciente se recupera bem após a cirurgia, e continua expelindo larvas pela boca, o que segundo os médicos que o atendem é normal em situações como esta, ele deverá realizar um novo exame de imagem na quinta-feira dia primeiro, e caso tenham restado parasitas no seu rosto deverá passar por outra cirurgia.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »