14/11/2015 às 09h33min - Atualizada em 14/11/2015 às 09h33min

Qualidade da água de São José do Cedro é comprovada

Avaliação foi realizada pela Agência Reguladora Intermunicipal de Saneamento – Aris – e divulgada dia 20 de outubro

São José do Cedro
Ascom/Bruna Gudiel

Foi divulgada no dia 20 de outubro a última avaliação mensal realizada pela Agência Reguladora Intermunicipal de Saneamento – Aris – de Santa Catarina, ao Sistema de Tratamento de Água e Esgoto – Semae – de São José do Cedro. Segundo o diretor geral, Junior Kunz a avaliação comprovou a boa qualidade da água distribuída as 3.122 ligações e 3.893 economias (residências) dos cedrenses. 

Conforme Júnior o principal parâmetro de qualidade da água é a turbidez. “A turbidez é o índice de sólidos que ficam dissolvidos na água, mesmo após a filtração. O índice admitido é de até 5,0 unidades, e em sete pontos analisados em São José do Cedro o índice menor foi de 0,13 e o maior de 0,21. Portanto não chega nem perto de 1,0”, comemorou o diretor do Semae.

Além da turbidez foram analisados a distribuição de cloro, flúor e outros itens. “É uma análise física química completa”, explica Junior afirmando que os índices vêm melhorando a cada mês. “Esse é o nosso patamar atual, as vezes acima ou abaixo”, declara.

Segundo o diretor do Semae a melhora na qualidade da água se deu após a substituição do material filtrante, utilização de produtos mais modernos na água e melhorias estruturais. “Conseguimos reduzir a falta de água, que causa muita sujeira e solta a incrustação natural da tubulação”, explica Junior.

Ainda conforme o representante do Semae, o município está com a responsabilidade sobre o tratamento e distribuição da água de São José do Cedro desde abril de 2014. “Tivemos acesso a um dado que é publico, onde mostra que a mesma análise feita de janeiro a setembro de 2013, este índice de turbidez foi analisado com valores máximos de 17,8”, declarou Junior opinando que a melhora da qualidade da água é também resultado da municipalização e dos investimentos angariados através do próprio sistema. “Sem dúvida o trabalho dos servidores, através dos cuidados e limpezas feitas semestralmente nos reservatórios contribuem para este índice ter sido bom”, disse.

O diretor geral do Semae explica ainda que melhorias e adequações ainda precisam ser feitas, mas reitera que até o momento todos os prazos de regularizações estão sendo cumpridos. “Todos os dados de análises podem ser visualizados através da agência reguladora”, finaliza Junior. O endereço é www.aris.sc.gov.br. 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »