20/04/2020 às 17h34min - Atualizada em 20/04/2020 às 17h34min

Atualização: Paciente diagnosticado com COVID-19 não teve contato fora da região

Assessoria

Na noite de domingo, 19, a Prefeitura Municipal de Palma Sola, divulgou a confirmação do primeiro caso de coronavírus no município. O homem de 27 anos é morador de Palma Sola, na área urbana. Através de informações passadas para a secretaria de Saúde, o paciente informou que não saiu para fora da região, tendo circulado apenas por municípios vizinhos. O jovem é diarista rural, ou seja, presta serviços pelo interior dos municípios. Cerca de 20 pessoas que tiveram contato com ele, também estão isolados. O paciente procurou a Unidade Básica de Saúde- UBS na última quinta-feira, 16, com febre, esse era o único sintoma apresentado por ele. Durante a consulta o médico achou necessário realizar o exame, sendo encaminhada a coleta para o Laboratório Central de Saúde Pública de Santa Catarina (LACEN), vindo a confirmar na noite deste domingo. Tanto o paciente, quanto familiares e outros contatos, seguem isolados por 14 dias, sendo acompanhados pela secretaria de Saúde.

A secretária de Saúde Débora Prevedello ressalta que levando em consideração as informações que o paciente passou, a contaminação ocorreu na região ou no próprio município, o que significa que o vírus já está em circulação. “Precisamos tomar muito cuidado, pois já não sabemos quem tem ou quem não tem. O que sabemos é que o vírus está circulando na nossa cidade. Para isso, pedimos que a população se conscientize e use máscaras, bem como tome todas as medidas de higienização das mãos e quem puder, fique em casa”, enfatiza.

O prefeito Kiko Mantelli ressalta que a notícia foi recebida com preocupação, mas também com entendimento de que a Administração Municipal está fazendo seu papel, desde o início da crise, há cerca de um mês. “Tomamos todas as medidas necessárias para evitar a entrada do vírus no nosso município. Desde o início seguimos rigorosamente todos os decretos do Governo do Estado, mesmo sofrendo com muita pressão para aliviar as medidas no município. Sempre ressaltamos que a nossa preocupação maior era e é a saúde dos nossos munícipes. Fomos o primeiro município da região a montar uma barreira sanitária na entrada da cidade, tivemos mais de três mil veículos sendo abordados, todas essas medidas foram pensadas e colocadas em prática para o bem da nossa população, infelizmente tivemos esse caso positivo”, afirma.

O prefeito salienta que as medidas de enfrentamento serão as mesmas que já vinham sendo tomadas. Além disso, continuará o trabalho de conscientização da população para o uso de máscaras, álcool em gel e distanciamento social. A população deve evitar passear ou receber visitas, pois a transmissão já ocorre no estado de forma comunitária.

#fiqueemcasa


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »