17/09/2020 às 08h58min - Atualizada em 17/09/2020 às 08h58min

Palma Sola terá três chapas

O atual prefeito Kiko Mantelli (MDB) disputa a reeleição, agora com Márcio Sansigolo (PL) como vice. O ex-prefeito Domingos Locatelli (PP) volta a disputar o cargo, tendo como vice Osmar Pachão (PDT). Também devem disputar o cargo os Psolistas João Antonio Porsch e Jair José de Oliveira

Da redação
Em Palma Sola foram realizadas as convenções de todos os partidos que irão lançar candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereador. A convenção do PP e PDT foi realizada dia 7 de setembro. A convenção do PSOL foi dia 12. A convenção do MDB, PL, PT, PSDB e PSD também foi no sábado, dia 12 de setembro, a chapa foi registrada com o nome: Kiko de novo, com a força do povo.
O Sentinela entrou em contato com os pré-candidatos, presidentes dos partidos e filiados para apurar a relação de nomes. No caso dos candidatos a uma vaga no Legislativo nem todos os partidos apresentaram nomes completos, o que sinaliza que ainda estão definindo quem de fato irá disputar uma cadeira na Câmara de Vereadores. Os nomes listados seguem conforme foram repassados ao Sentinela.
 
Kiko de novo, com a força do povo
Segundo o presidente do MDB de Palma Sola, Rodrigo Calegari, o grupo de situação pleiteia a reeleição do atual prefeito, Cleomar Mantelli, popular Kiko, sob a coligação intitulada: Kiko de novo, com a força do povo. Na última eleição quem disputou como vice ao lado de Kiko foi Moacir Sansigolo, desta vez quem irá disputar esta vaga será o irmão, Márcio Sansigolo que atualmente é vereador.

Candidatos a vereador pelo MDB:
Cesar Zandoná;
Clediane de Souza;
Antonio Schauren;
Elber Pereira;
Rosalino Siqueira;
Paulo Mantelli;
Profe Adri Mello (Adriane Daneli de Mello);
Marli Sbaraini;
Zena Bonavigo (Genair Pinheiro Cavalheiro);
Gaspa (Rodrigo Calegari);
 
Candidatos a vereador pelo PT:
Maria Borowicc
Odair Pauletti
Elisiano Gritti
Ademir Zanella
Tânia Floriano
Claudemir Magalhães
Mateus Dal Ponte
Edivilson Frigo
Ivanor de Moura
Daniel Elicker
 
Candidatos pelo PL:
Vanderlei Belmiro da Silva;
Mateus Antunes;
Luciana de Oliveira;
 
Juntos e em frente
Já o partido Progressistas e o PDT lançam o ex-prefeito Domingos Lirio Locatelli (PP) e o ex-vereador e empresário Osmar Pachão (PDT) para disputar o cargo no Executivo. A coligação foi registrada com o nome: Juntos em frente.
Na última eleição o candidato lançado pelo PP foi o também ex-prefeito Claudiomar Crestani, popular Nico, à época com chapa pura, tendo como vice o professor Gilmar Pauletti, popular Tatim.
 
Candidatos a vereador pelo Progressistas:
Anselmo Binsfeld;
Claudinei Schein;
Joice Dalle Laste;
Adão dos Santos;
Alemão Bevilaqua;
Carlão Rodrigues;
Rafael Batisti;
Andriara;
Janete;
Vildete;
Vanessa.
 
Candidatos a vereador pelo PDT:
Élio Pereira;
Cornélio da Extimpal;
Nelson Dondé;
Pedrão;
Adão Antunes;
Clair Munaro;
Nego Mutineli;
Nádia Petri;
Neusa Benetti;
Nani do Rotdog;
Jandira.
 
Juntos faremos a diferença
A convenção do PSOL foi realizada sábado, dia 12, na comunidade da linha Paraíso, com a participação de lideranças psolistas estaduais, como a presidente estadual do PSOL, Miriam Matos e o pré-candidato a prefeito de Chapecó, professor Antonio de Campos. O presidente do PSOL de Palma Sola é João Porsch, popularmente conhecido como Kiko Porsch. A chapa: Juntos Faremos a Diferença, homologou os nomes de João Antônio Porsch como candidato a prefeito e Jair José de Oliveira como candidato a vice.
Candidatos a vereador pelo PSOL:
Juliana Paim Lisbôa;
Vitório Mônego;
Givanildo Pontes.
 
Calendário eleitoral
16 de setembro – último dia para realização de convenções destinadas a deliberar sobre coligações e a escolher candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereador;
26 de setembro – último dia para os partidos políticos e as coligações apresentarem à Justiça Eleitoral, até às 19h, o requerimento de registro de seus candidatos;
27 de setembro – data a partir da qual será permitida a propaganda eleitoral, inclusive na internet. Data a partir da qual, até às 22h do dia 14 de novembro poderá haver distribuição de material gráfico, caminhada, carreata ou passeata acompanhadas ou não por carro de som ou minitrio. Data a partir da qual, até 13 de novembro, serão permitidas a divulgação paga, na imprensa escrita, e a reprodução na internet do jornal impresso, de até 10 anúncios de propaganda eleitoral por veículo, em datas diversas, para cada candidato, no espaço máximo, por edição, de 1/8 de página de jornal padrão e de ¼ de página de revista ou tabloide.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »