14/10/2020 às 13h39min - Atualizada em 14/10/2020 às 13h39min

Apresentações devem ser adiadas

Os eventos do grupo Terno de Reis reúnem muitas pessoas e a orientação é evitar aglomerações

Larissa Dias
Da redação com informações da Rede Peperi
O integrante do grupo musical Terno de Reis, de São José do Cedro, Etelvino Festa, lembra que há pelo menos 15 anos o grupo realiza apresentações nas missas, eventos e principalmente nas festas de final de ano. No entanto, a pandemia gerou dificuldades para que ocorressem os ensaios entre os dez integrantes, que a cada edição renovam o repertório de canções.
Ele lembra ainda que as apresentações reúnem muitas pessoas e a orientação é justamente oposta, de evitar aglomerações. Festa afirma que entre outubro e novembro eram abertas inscrições para os moradores interessados em receber o grupo, mas, neste ano, não será possível devido as restrições. A média é 20 apresentações por temporada em residências, festas de famílias, além de comunidades interioranas do município cedrense e de outras, como Princesa, Guarujá do Sul, Dionísio Cerqueira e Guaraciaba. Ele espera que no próximo ano a situação esteja normalizada.
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »