27/10/2020 às 10h43min - Atualizada em 27/10/2020 às 10h43min

ACEPA reuniu os três candidatos de Palma Sola

A cartilha Voz Única foi entregue aos três candidatos a prefeito e vice na noite de segunda-feira. Esta cartilha formaliza as demandas da classe empresarial de Palma Sola

Igor Vissotto
Da redação
A Associação Comercial de Palma Sola, ACEPA, entregou na noite de segunda-feira, dia 26, uma cartilha, às três chapas que disputam o comando da prefeitura de Palma Sola: Cleomar Mantelli (MDB) e Márcio Sansigolo (PL), Domingos Locatelli (PP) e Osmar Pachão (PDT) e em chapa pura do PSOL João Porsch e Jair de Oliveira.
Esta cartilha, intitulada Voz Única, segue um padrão estrutural desenvolvido pela Facisc e disponibilizado para Associações Comerciais em todo o estado de Santa Catarina. O símbolo desta cartilha é o elefante, uma alusão a boa memória deste animal e que a classe empresarial não se esquecerá do compromisso assumido pelos candidatos em época de campanha. Esta é a segunda edição do Voz Única no município de Palma Sola.
A entrega da cartilha foi feita na sede da ACEPA/CDL de Palma Sola, feita pelos presidentes da ACEPA, Eduardo Calegari, pelo presidente da CDL, Tiago Bianqueto, e também pelo ex-presidente da Facisc e presidente do Conselho Superior da Facisc, João Ernesto Reck.
Entre os dias 2 e 8 de outubro a ACEPA/CDL convidou as mais de 100 empresas associadas para responder um questionário digital apontando as principais demandas da classe empresarial. Dentre a diretoria da entidade foi montada uma comissão que filtrou e organizou as demandas apresentadas pelos associados. Basicamente são sete linhas de trabalho, subdivididas em pontos específicos.
A solenidade iniciou pontualmente às 19h, com público restrito devido a pandemia do coronavírus, e com todas as recomendações de saúde. Feita a explanação sobre o propósito do Voz Única, cada um dos candidatos teve a oportunidade de falar por até 5 minutos, explanando sobre o seu plano de governo e firmando compromisso com a classe empresarial.
É importante lembrar que o trabalho da diretoria da ACEPA/CDL é voluntário e o maior propósito da classe empresarial é auxiliar no desenvolvimento de Palma Sola, aumentando o movimento econômico do município e trazendo mais qualidade de vida para o palmassolense.
 
  1. Infraestrutura, trânsito, segurança e mobilidade urbana:
1.2 Criar e investir em um programa de reciclagem municipal com separação seletiva e lixeiras com infraestrutura e equipamentos necessários;
1.3 Contrapartida do município, para revitalização de calçadas;
1.4 Aquisição de três câmeras 4K da Intelbras, para utilização em pontos estratégicos da cidade para identificação veicular;
1.5 Maior quantidade de efetivo local na Polícia Militar e Polícia Civil;
1.6 Articulação com o Governo do Estado para revitalização e manutenção da SC-161.
 
  1. Saúde
2.1 Investir em treinamento, reciclagem e desenvolvimento dos servidores de saúde para que se sintam valorizados e prestem um serviço com mais qualidade à população;
2.2 Melhorar a gestão de compras e distribuição de medicamentos, além dos que já fazem parte da lista do Governo.
 
  1. Educação
3.1 Manter ou dar continuidade aos Projetos de ensino com o JEEP do Programa Sebrae Cidade empreendedora;
3.2 Na educação implantar um programa específico para melhorar as notas no IDEB. (Ver exemplos em Flor da Serra do Sul);
3.3 A educação deve ser voltada ao empreendedorismo, educação financeira e inovação. As escolas devem trazer, desde cedo, na educação básica, a cultura do empreender para as crianças;
3.4 Aulas no contraturno escolar, ampliando e diversificando os objetivos das aulas curriculares, com atividades de reforço, cultura, arte, esporte, lazer, empreendedorismo, incentivo à leitura, inteligência emocional, dentre outras;
 
  1. Política e Gestão Pública
4.1 Diminuir a máquina pública e se tornar um articulador com as entidades empresariais e população;
4.2 Criação da Secretaria de Desenvolvimento Econômico Local, nomeação de pessoas capacitadas e qualificadas nas funções de desenvolvimento econômico e que esteja engajado com o objetivo dos empresários;
4.3 Que cumpra o que irá prometer, e esteja 100% disponível para melhorar a nossa cidade, que tem tudo para ser melhor ainda.
 
  1. Competitividade e Vocação Econômica
5.1 Plano de atração de novas empresas e geração de empregos e novos postos de trabalho;
5.2 Dar condições para o Parque Industrial absorver a instalação de empresas. Isso melhora a questão do emprego, melhora a oferta de bens e serviços e consequentemente melhora a economia municipal;
5.3 Valorizar Palma Sola, utilizando o comércio local junto às entidades de classe, trabalhando, ainda mais, em projetos existentes e na criação de novos projetos;
5.4 É de extrema necessidade e importância a implantação de um Plano Diretor para o Município, para que o crescimento do município aconteça de forma organizada e de acordo com a legislação vigente de cada setor.
 
  1. Turismo
6.1 Manter a decoração Natalina, pois é uma data em que o comércio se fortalece, vem mais gente para Palma Sola movimentando o comércio local;
6.2 Criação de uma ciclovia na SC-161, faixa de pedestre e ou duplicação do trecho entre a Agroflorestal Link e o portal do Posto na entrada da cidade;
6.3 Incentivar as empresas do município através de parcerias para movimentar o comércio local, com Eventos Turísticos em dias específicos, explorando assim a natureza do município, sua gastronomia e comércio geral;
6.4 Programa de apoio contínuo e orçamento pré-programado às equipes de handebol e esportes municipais que tem destaque a nível nacional.
6.5 No turismo criar acesso para as cachoeiras do município. Em comum acordo com os proprietários;
6.6 Retomada dos festivais a nível Nacional com incentivo público.
 
  1. Temas de interesse geral
7.1 O município precisa investir na geração de energia, e municipalização da agua;
7.2 Programa de incentivo ao reflorestamento;
7.3 Incentivo ou bonificação aos agricultores através da secretaria da Agricultura, por emissão de notas fiscais;
7.4 Criar um Fundo Municipal para atender as demandas e necessidades do Comércio Local;
7.5 Dar continuidade ao Programa Cidade Empreendedora - Sebrae, sendo o Programa nível Premium;
7.6 Manutenção do Conselho de Desenvolvimento Econômico Local e incentivo financeiro as suas demandas, dando assim autonomia dos trabalhos desenvolvidos por este;
7.7 Parceria permanente no valor da Promoção anual a qual incentiva as vendas no Comércio local. Diminuindo o custo do empresário. E movimentando a emissão de notas fiscais para o município;
7.8 Revitalizar o espaço da feirinha Municipal para Quadra Comercial e ou empresarial.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »