11/11/2020 às 20h18min - Atualizada em 11/11/2020 às 20h18min

Loteamento Diehl recebe licença ambiental de instalação

Depois de 19 anos de espera e muito trabalho, o ex-vereador João Renato Diehl comemora essa conquista

Larissa Dias
Da redação
O município de Guarujá do Sul está com mais um loteamento prestes a receber as primeiras instalações. Desta vez, é de propriedade do ex-vereador João Renato Diehl, possuidor da área de 57.842m² que, por mais de 19 anos, aguardava a aprovação. Há poucos dias, a localidade recebeu o licenciamento ambiental, que nada mais é do que uma obrigação legal imposta a todos os que desejam realizar um empreendimento, atividade potencialmente poluidora ou que possa degradar o meio ambiente.
Com essa documentação, foi declarada a viabilidade de implantação do empreendimento. A área total do imóvel poderá ser dividida em 81 lotes vendáveis, mais área verde, área de circulação e área institucional. “Temos pelo menos 40 lotes ainda disponíveis. Agora, estamos nos preparando para começar a implantação das ruas e quadras (projeto urbanístico) e o sistema de drenagem pluvial”, comenta.
Ainda conforme ele, também está prevista infraestrutura básica do local, composta por abastecimento de água, rede elétrica, pavimentação, entre outros aspectos necessários, sob a responsabilidade dos profissionais técnicos que apresentaram os projetos, bem como a recuperação da área verde.
 
Anos de espera
À redação, Renato enfatiza que já estava desacreditado e não esperava mais conseguir essa liberação. “Fazem mais de 19 anos que estávamos tentando a liberação, entrando em contato e procurando engenheiros. Num primeiro momento, quando começamos a trabalhar, verificamos que as escrituras e constatamos a falta de muitas documentações e terras”, esclarece complementando que num primeiro momento, havia comprado 53 mil m² de propriedade.
“Depois fiquei sabendo que os meus tios haviam ficado com a herança da família e 1.500m² foram desmembrados para os sobrinhos e isso não constava no papel. Levamos pelo menos três anos para fazer o inventário e as documentações e já estávamos desacreditados e pensando que não conseguiríamos”, explica.
Renato, que já está há 27 anos no município, reiterou seu compromisso com a observância de todas as normas ambientais e legais que regem o empreendimento, que, segundo ele, vai gerar novas moradias, esgotamento sanitário adequado, sistema de drenagem, e qualidade de vida para os moradores.
“O loteamento está localizado na antiga Linha Gaúcha, que já é considerada perímetro urbano desde a década de 90, situada a direita do centro, passando pela BR 163”, relembra acrescentando que os trabalhos de terraplanagem e tubulação já começaram na semana passada. “Não vamos mais parar até tudo estar pronto. Essa é uma grande conquista e estamos muito agradecidos. Esperamos poder fazer a finalização dos nossos trabalhos o quanto antes”, finaliza.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »