14/11/2020 às 11h15min - Atualizada em 14/11/2020 às 11h18min

Amanhã é você que decide!

A votação iniciará às 7h e seguirá até às 17h. Para pessoas com 60 anos ou mais, o horário preferencial é entre 7h e 10h

Larissa Dias
Da redação
Nos últimos dias, publicamos entrevistas gravadas em nossas redes sociais com os candidatos a prefeito e vice dos seis municípios de nossa circulação, onde puderam falar sobre suas propostas e defender suas candidaturas. Nesta semana, você acompanha quem serão e como votar. O seu voto decide quem governará pelos próximos quatro anos. 
 
Em Campo Erê
Pela primeira vez na história, o município registrou cinco candidaturas a prefeito e vice. Entre elas, está Christina Roman, defendendo o Patriota e disputando o cargo de prefeito; ao seu lado, conta com o auxílio do pastor Romeuzito Serafini, que disputará o de vice. Para eles, vote 51. Temos também, novamente, Gilberto Amaral, que defende o Partido Democrático Trabalhista (PDT) e disputa o cargo de prefeito; ao lado, João Gaida é quem concorre a vice. Para eles, vote 12.
O campoerense Luizinho Schneider também concorre ao cargo de prefeito, defendendo o Avante, e conta com a ajuda de Idinilso Vicari [para vice]. Para eles, vote 70. Rozane Moreira, defendendo o Partido dos Trabalhadores (PT), também disputa o cargo de prefeito, e conta com o apoio do vereador Roque Mello para vice. Para eles, vote 13. O nome da candidata a prefeito, Raquel Cristina Schiavini, cuja candidatura está indeferida até o momento, mas em recurso, também está entre os já definidos. Ela defende o Podemos (Pode), com apoio das coligações MDB, PSL, PSB, PSDB e PSD; ao lado, conta com Reasilva Raimmondi para vice. Para elas, vote 19.
 
Em Anchieta
Entre os candidatos, está Fernando dos Anjos, que disputa o cargo de prefeito e defende o Patriotas; conta com o auxílio do Maykel Leite, que disputará o de vice. Para eles, vote 51. Do outro lado, temos disputando a reeleição o atual prefeito Ivan Canci, que defende o Partido dos Trabalhadores (PT) e conta com o apoio do Partido Liberal (PL); ao lado, Edgar Benetti concorre a vice. Para eles, vote 13. Para fechar, contamos com o anchietense Valderez Izotton, que concorre ao cargo de prefeito e defende o Movimento Democrático Brasileiro (MDB), contando com o apoio das coligações PSD e PSDB; tem como vice Eduardo Schneider. Para eles, vote 15.
 
Em Flor da Serra do Sul
O grupo de situação perdeu a unidade que elegeu a atual prefeita Lucinda Ribeiro de Lima Rosa, o que facilitou a campanha do médico veterinário Valmor Felipe Junior, que defende o Podemos (Pode) e conta com o apoio das coligações MDB, PSL e DEM; ao lado, tem o auxílio de Luci Rolim [para vice]. Para eles, vote 19. Temos também, novamente, o sulflorense Miraldo Zanella concorrendo ao cargo de prefeito. Ele defende o Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) e conta com o apoio do Partido dos Trabalhadores (PT); ao lado, Nereu Ceratti concorre a vice. Para eles, vote 45.
 
Em Guarujá do Sul
Disputa à reeleição o atual prefeito Cláudio Weschenfelder, que defende o Partido dos Trabalhadores (PT) e conta com o apoio das coligações PSDB, PP e PODE; ao lado, Noé Benetti concorre a vice. Para eles, vote 13. O agricultor Carlos Possatto também está disputando o executivo, onde defende o Partido Social Democrático (PSD) e conta com o apoio do PL, MDB e PSB; o vereador Ilário Baumgardt o auxilia como vice. Para eles, vote 55.
 
Em Palma Sola
Domingos Locatelli está, novamente, disputando o cargo de prefeito. Ele defende o Progressistas (PP) e conta com o apoio do Partido Democrático Trabalhista (PDT); tem como vice Osmar Pachão. Para eles, vote 11. O agricultor João Porsch também concorre ao executivo, onde defende o Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) e conta com o auxílio de Jair de Oliveira como vice. Para eles, vote 50. O atual prefeito Kiko Mantelli está disputando a reeleição, onde defende o Movimento Democrático Brasileiro (MDB) e conta com o apoio dos partidos PL, PT, PSD e PSDB. Desta vez, o vereador Márcio Sansigolo concorre a vice. Para eles, vote 15.
 
Em São José do Cedro
O empresário Paulo Wolfart está disputando o cargo de prefeito, onde defende o Progressistas (PP) e conta com o apoio dos partidos PDT, PT, PSL, PL, DEM, PSDB e PSD; ao seu lado, Pedrinho Casarin concorre a vice. Para eles, vote 11. O vereador João de Andrade também disputa o executivo, onde defende o Movimento Democrático Brasileiro (MDB) e conta com o auxílio de Elmar Hentz [para vice]. Para eles, vote 15.
 
Qual é o dia e horário da votação?
O primeiro turno será neste domingo, dia 15, e o segundo, onde houver, no dia 29. A votação iniciará às 7h e seguirá até às 17h. Para pessoas com 60 anos ou mais, o horário preferencial é entre 7h e 10h.
 
Cuidados antes de sair de casa
Se estiver com febre ou ter sido diagnosticado com Covid-19 nos últimos 14 dias, a indicação é que fique em casa; não esqueça da máscara e lembre que o seu uso é obrigatório em todo o local de votação; se possível, leve sua própria caneta. Assim poderá evitar o contato com objetos; não esqueça a "cola" com os números dos candidatos para votar mais rápido; no caminho até o local de votação, tente manter distância mínima de um metro dos outros. Além disso, evite veículos cheios e se possível, não leve crianças e acompanhantes.
 
Cuidados no local de votação
Mantenha distância mínima de 1 metro; não é permitido se alimentar, beber ou fazer qualquer atividade que exija retirada da máscara; se tossir ou espirrar, use a parte interna do cotovelo ou um lenço; evite cumprimentos, abraços e apertos de mão. Não toque no rosto; é proibido uso do celular dentro da cabine de votação para proteger o sigilo do voto – selfies são proibidas; para não atrasar o processo, lembre-se da ordem: primeiro vote em vereador (cinco dígitos) e confirme. Depois, escolha prefeito (dois dígitos) e confirme; limpe as mãos com o álcool em gel que será disponibilizado em todas as seções antes e depois de votar.
 
Passo a passo do voto
Entre na seção eleitoral e fique na frente da mesa; mostre seu documento oficial com foto em direção ao mesário; após o mesário ler em voz alta o seu nome, confirme que é você; guarde seu documento e limpe as mãos com álcool gel; assine o caderno de votação e se precisar do comprovante de votação, solicite ao mesário; quando a urna for liberada, dirija-se à cabine de votação; digite os números dos seus candidatos e na saída, limpe as mãos com álcool gel novamente.
 
Para justificar ausência
Se estiver fora do domicílio eleitoral no dia da eleição, justifique pelo celular. Baixe o app “e-título” no Google Play e na Apple Store. É possível justificar em até 60 dias após cada turno apresentando documentos que comprovem o motivo da falta (atestado médico, por exemplo). Faça no App, no site (www.justifica.tse.jus.br) ou procure um cartório eleitoral.
 
Qual é a idade mínima para votar?
Todo cidadão brasileiro alfabetizado, maior de 18 anos e legalmente capaz é obrigado a votar. O voto é facultativo para os eleitores analfabetos, os maiores de 70 anos, e os que têm entre 16 e 18 anos.
 
Cuidado com o vírus das notícias falsas
Nas eleições 2020, é fundamental checar aquela notícia duvidosa que você recebeu por mensagem antes de transmitir a seus amigos e familiares. Para descobrir o que é fato e o que é boato, a Justiça Eleitoral fez uma parceria com 9 agências de checagem. Elas verificam as notícias. Acesse sem gastar seu pacote de dados do celular: https://www.justicaeleitoral.jus.br/fato-ou-boato/.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »