11/11/2021 às 08h37min - Atualizada em 11/11/2021 às 08h37min

Por ora, interino

O deputado e presidente da Alesc Mauro de Nadal (MDB) assume governo do estado por uma semana. Mauro estará em Dionísio Cerqueira nesta quinta-feira, dia 11

Da redação
“Já que o governador me deixou a caneta – com tinta – vou fazer uma visita ao nosso Oeste” brincou Mauro após a transmissão de cargo.
O deputado e presidente da Alesc, Mauro de Nadal (MDB) é o governador interino de Santa Catarina até esta sexta-feira, dia 12 de novembro. Em razão de viagem do governador Carlos Moisés (sem partido) e da vice-governadora Daniela Reinehr (sem partido) para fora do país o deputado Mauro assumiu o governo na última sexta-feira, dia 5.
São apenas 7 dias, no entanto tempo suficiente para Mauro pavimentar ainda mais a sua reeleição a deputado estadual em 2022. Mauro é de Cunha Porã - aqui no Oeste catarinense - foi eleito deputado estadual pela primeira vez em 2010 e de lá para cá conquista espaço e respeitabilidade não só no MDB, mas entre todos os parlamentares catarinenses. Com grande capacidade de articulação e de diálogo chegou a presidência da Alesc.
Em entrevista a veículos de comunicação do Oeste Catarinense Mauro comunicou que fará visita há alguns municípios da região e em tom de brincadeira falou: “Já que o governador Moisés me deixou a caneta – com tinta – vou fazer uma visita ao nosso Oeste”. Na quarta-feira em Xaxim e Cunha Porã, na quinta-feira Tunapolis, São Lourenço do Oeste e Dionísio Cerqueira.
Em Dionísio Cerqueira o governador interino Mauro de Nadal assina a tão esperada privatização do porto seco de Dionísio. De Nadal ainda lembrou a emenda à Lei 17.762/19, de sua autoria, que garante que os produtos oriundos de países membros do Mercosul e recebem benefício fiscal, de entrada pelos portos secos de Santa Catarina, fazendo assim com que a Aduana de Dionísio Cerqueira passe a movimentar R$ 5 bilhões em produtos. Hoje, entram pela alfândega catarinense apenas R$ 320 milhões. Produtos oriundos do Uruguai não são absorvidos pela lei, como por exemplo a importação de milho. Este projeto de lei foi muito defendido pelo prefeito de Dionísio Cerqueira, Tiago Gnoatto (MDB), assim como de entidades de classe, como a Ascoagrim.
Correligionários do deputado Mauro e membros da própria bancada do Oeste sonham em eleger um governador do Oeste catarinense. Notadamente o número de eleitores do grande Oeste ainda é pequeno diante das forças políticas do litoral, contudo o nome de Mauro vem numa ascendência com alianças firmes junto a diversas lideranças. Quem sabe daqui alguns anos o sonho dos oestinos se realize.


Receba as notícias do Portal Sentinela do Oeste no seu telefone celular! Faça parte do nosso grupo de WhatsApp através do link: https://chat.whatsapp.com/Bzw88xzR5FYAnE8QTacBc0
Siga nosso Instagram: https://www.instagram.com/jornalsentinela/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »