08/03/2021 às 13h47min - Atualizada em 08/03/2021 às 13h47min

Especial Dia da Mulher: O sonho da profissão

As oito fases da mulher atual

Da redação
Como bem sabemos, a sociedade evoluiu desde a época em que os afazeres domésticos eram pura e simplesmente tarefas destinadas a mulher. E mudou ainda mais, desde que puderam ter liberdade para disputar espaço no mercado de trabalho, transpondo as barreiras do papel de ser apenas esposa, mãe e dona do lar. E é graças às investidas femininas sobre o poderio masculino do início da década de 1970, que hoje são duas mulheres que redigem esta reportagem.
É fato, de lá para cá muita coisa mudou, mas há ainda um grande caminho a ser percorrido em meio à constante busca por igualdade de gênero, direitos e principalmente por respeito. E é assim, com a finalidade de deixar clara a importância e legitimidade do poder de escolha de cada mulher, por sobre seu contexto e seus objetivos de vida, que o jornal Sentinela escolheu contar oito diferentes histórias, de mulheres palmassolenses, que simbolizam o empoderamento feminino.
 
- O sonho da profissão 
Aos 36 anos, Denise Zanatta é proprietária da loja HGARA Modas. Casada e mãe de duas meninas, já enfrentou constrangimentos, como o de ser subestimada em suas competências profissionais pelo fato de ser mulher, além de ter ouvido comentários hostis pelo mesmo motivo. Nascida no interior de Flor da Serra do Sul, nunca deixou de almejar seu sucesso profissional. Passou por diversos serviços, como o de ser babá, faxineira, administradora. Entretanto, nunca deixou de sonhar com sua própria loja, e mesmo com dificuldades financeiras, comprou seu negócio, que hoje faz sucesso em Palma Sola. Salienta que essa conquista a ensinou a viver. “Todos passamos por dificuldades, mas quando fazemos o que amamos, as coisas são enfrentadas com mais facilidade”, frisa. Amiga de todos, se define uma mulher guerreira, que corre atrás de seus objetivos. “Posso cair, mas já caio levantando! Quero crescer, expandir os negócios, mas também ficar ao lado da minha família. De nada adianta eu ter uma grande loja e estar sozinha!”, comenta ressaltando que neste dia das mulheres, todas devem comemorar sua independência e evolução.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »