08/04/2021 às 08h58min - Atualizada em 08/04/2021 às 08h58min

Dois catarinenses entram na lista mundial de bilionários

NSC
Reprodução
Apesar da pandemia, a lista mundial de bilionários da revista americana Forbes 2021, divulgada na terça-feira dia 06, ganhou mais 660 nomes chegando a um total de 2.755. O grupo de brasileiros com patrimônio acima de US$ 1 bilhão, o equivalente a R$ 5,6 bilhões, também subiu: passou de 45 para 65. O mais rico de Santa Catarina é o empresário Luciano Hang, fundador e dono da rede de lojas Havan. Segundo a Forbes, ele tem fortuna de US$ 2,7 bilhões e ficou na posição 1.174ª do ranking global este ano. Quem estreou no grupo foi Anne Marie Werninghaus, acionista da WEG (multinacional brasileira), com fortuna de US$ 1,1 bilhão, na 2.524ª posição da lista.
A empresária Anne Marie, 34 anos, é a maior acionista individual da WEG, segundo a Forbes. Ela é neta de um dos fundadores da WEG, Geraldo Werninghaus, que junto com Eggon João da Silva e Werner Voigt fundaram a companhia em setembro de 1961. Casada, três filhos, Anne fundou em 2011 a plataforma eletrônica de moda B2B VestesBra, que teve curta duração. É filha mais velha de Diether Werninghaus, filho de Geraldo e Lilian. Ela é graduada em Moda pela Unisul e atua como pesquisadora de inovação da 2Rios.
O conglomerado industrial WEG, que atua com motores elétricos, automação industrial, sistemas de energia solar, propulsão elétrica e tintas, tem fábricas em 12 países, ofereceu mais de 33 mil empregos em 2020. Na lista de bilionários da Forbes Brasil, de outubro de 2020, a WEG tinha 13 bilionários, mas na lista global aparece apenas a jovem Anne Marie.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »