07/04/2017 às 09h03min - Atualizada em 07/04/2017 às 09h03min

Pastor é preso por crimes sexuais contra jovens que frequentavam a igreja

A Polícia Civil de Campos Novos cumpriu nesta quinta-feira, 06, um mandado de prisão em desfavor do pastor Paulo Ross, da Igreja Mundial do Novo Nascimento, em razão da prática de crimes sexuais cometidos contra a liberdade sexual de adolescentes em Campos Novos.

Segundo o delegado Luis Eduardo Machado Córdova, foi apurado que, em meados de 2016, uma adolescente, à época com 12 anos, começou a frequentar a igreja da qual o pastor é líder.

Ao conhecer a menina, o pastor disse que em breve Deus iria lhe dar uma missão. Dias após, a vítima recebeu mensagem em seu celular dizendo que havia um feitiço em sua vida, e que a única forma de quebrar esse feitiço seria fazendo amor por sete vezes com um homem de muita fé e que fosse casado.

Diante da mensagem, a menina imediatamente procurou o pastor Paulo em busca de orientação, foi quando o pastor praticou o crime contra a adolescente.

Já em março de 2017, foi apurado que ele encaminhou mensagem para duas frequentadoras de sua igreja, com idade de 15 e 16 anos, novamente mencionando um feitiço. As conversas, obtidas pela Polícia Civil revelam que o pastor dizia às vítimas que, de fato, obedecer à mensagem seria a única maneira de "vencer o mal" e que ele estava à disposição para o que fosse preciso.

O Inquérito Policial já foi finalizado e inclusive já houve o oferecimento de denúncia pelo Ministério Público contra o pastor. Após a prisão, ele foi encaminhado ao Presídio de Campos Novos.

Fonte: Rede peperi


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »