21/10/2020 às 14h02min - Atualizada em 21/10/2020 às 14h02min

Ação para o Dimi arrecada mais de R$ 20 mil

R$ 15.100,24 são referentes a live, mais R$ 1.950 referentes a uma promoção do Posto Palma Sola e outros R$ 1.700, relativos as arrecadações da idosa Terezinha Marques

Larissa Dias
Da redação
Nos últimos dias, retratamos dezenas de ações solidárias espalhadas pela região, com destaque à Palma Sola, onde presenciamos a realização de muitas lives. Na primeira quinzena desse mês, a Associação Palma Sola de Futsal (APASF), junto com o jornal Sentinela e cantores de Palma Sola organizaram mais um evento online, direcionado ao Ademir de Lara, popular Dimi, de 28 anos, tetraplégico após uma queda de 10 metros de uma araucária. O evento foi um sucesso! Foram arrecadados mais de R$ 20 mil, garantindo a reconstrução da residência da família.
A mãe de Dimi, Cleusa, explica que o filho tem grande parte do corpo paralisado e problemas na bexiga e outras regiões, por conta de um acidente ocorrido em 2009, onde escalou uma araucária para retirar pinhão, quando raspou um dos pés na casca da árvore, que estava úmida e caiu de uma altura de 10 metros. No tombo bateu a cabeça noutra árvore, para depois cair no chão. Ademir ficou com 90% do corpo paralisado e até então vivia numa humilde casinha de 30m² no bairro Ossani.
 
Arrecadações
Dos mais de R$ 20 mil arrecadados, R$ 15.100,24 são referentes a doações feitas durante a live realizada dia 3 de outubro. Uma promoção realizada pelo Posto Palma Sola arrecadou R$ 1.950 que também foram somados a outros R$ 1.700, arrecadados pela idosa Terezinha Marques, meses antes da Live, mas já com a intenção em reformar a casa do Dimi. Ademais, foram arrecadados 1.000 tijolos, telhas, pregos para toda a estrutura, seis metros de pedra brita, duas portas, duas latas de tinta, uma cozinha planejada, além da mão de obra para a pintura, 12 cestas básicas ao longo de um ano e toda a madeira necessária para a construção da nova casa.
Segundo um dos organizadores e presidente da APASF, Rodrigo Gritti, o projeto para a reconstrução da casa já está finalizado e nos próximos dias, inicia a construção da nova residência. “Com o coração cheio de alegria, compartilhada entre todos que não mediram esforços para que esta live acontecesse, a Associação de Futsal Palma Sola quer agradecer a todas as pessoas e empresas que realizaram as doações, as quais serão aplicadas integralmente na reconstrução da casa do Dimi. A cada um que doou, em dinheiro, materiais, alimentos, seus talentos e seu tempo o nosso muito obrigado. Que Deus possa retribuir o seu gesto de amor ao próximo”, comenta.
 
Uma segunda mãe
Dona Terezinha está ao lado da família há anos, auxiliando no que pode. “O Dimi é meu filho do coração. Desde que ele se machucou eu venho ajudar e hoje, com tudo que arrecadamos conseguiremos reconstruir uma nova casa”, comenta. “Agradeço, primeiramente, a Deus por me dar saúde e força para ajudar o Dimi e conseguir esse valor. Além disso, sou grata pela live e pela movimentação que ela trouxe. Não conseguiríamos nada sem a ajuda de todos e, especialmente, daqueles que doaram e divulgaram essa ação. Esta família está prestes de receber uma nova casa e não há palavras para expressar a alegria que isso traz”, finaliza.
 
Ganhadora do leilão
Durante a live, foi organizado um pequeno leilão, onde a palmassolense Taciane Calegari deu o maior lance e levou o uniforme da APASF. Ela está entre os patrocinadores da Associação, através da Info House, que também colaborou com essa causa.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »