30/04/2021 às 16h35min - Atualizada em 30/04/2021 às 16h35min

Colégio lança projeto: Pinte uma Sala de Aula

Com recursos do Estado está sendo finalizada a pintura externa da EEB Claudino Crestani. Direção e APP querem aproveitar e concluir a pintura interna da escola

Da redação
Igor Vissotto: Há pelo menos 10 anos a E.E.B. Claudino não passa por nenhuma reforma ou pintura. A escola tem 4.000m² de área construída e atende 600 alunos. A pintura externa está em fase de conclusão
Nos últimos anos escolas estaduais de Santa Catarina tiverem dificuldades em manter suas respectivas estruturas. Não foi diferente com a Escola de Educação Básica Claudino Crestani, de Palma Sola. Há pelo menos 10 anos a E.E.B. Claudino não recebe pintura ou qualquer manutenção nas paredes internas e externas. Há vários anos a direção da escola solicita ao governo do Estado, via coordenadoria geral, recursos para pintar a escola. Este ano a direção conseguiu R$ 32 mil do Estado para investir na pintura. O valor foi suficiente para comprar a tinta e pagar a mão de obra da área externa da escola.
A direção e a APP (Associação de Pais e Professores) querem aproveitar e fazer um puxirão completo, pintando também a parte interna da escola, iniciando pelas salas de aula, e posteriormente pintar o ginásio e banheiros. Pensando nisso a escola criou o projeto: Pinte uma Sala de Aula. A ideia é buscar parceiros na comunidade que abracem a causa, estejam dispostos a fazer doações em dinheiro, de materiais para pintura ou até mesmo entrem com a mão de obra. A escola convida toda a comunidade para contribuir com a campanha, deixando o ambiente escolar mais bonito, atrativo e estimulante para os alunos.
Atualmente a área construída da escola Claudino Crestani é de 4.000m², sobre um terreno de 10.000m² no centro da cidade. O colégio conta com 16 salas de aula, laboratório de informática, auditório, sala de jogos, biblioteca, dez banheiros incluindo banheiro para pessoas com necessidades especiais. Além disso existe uma ampla área coberta, um saguão muito utilizado para apresentações e show de talentos. Para as atividades de educação física a escola conta com um ginásio coberto, uma quadra poliesportiva aberta e um campinho gramado.
 
Ampliações para atender o Novo Ensino Médio
Outra obra a ser feita na escola é a ampliação do refeitório, atualmente ele tem 90m² com a ampliação ele deve ficar com 300m². O projeto de engenharia desta ampliação está aprovado, e a escola aguarda o Estado licitar a obra.
Essas ampliações e melhorias no Claudino visam atender o Novo Ensino Médio. Nessa modalidade os alunos permanecerão mais tempo na escola, não apenas durante um único turno. Por conta disso os professores deverão ser capacitados para se integrar as novas normas da BNCC (Base Nacional Comum Curricular).
 
Arrecadação de fundos
A diretora da escola Francieli Holz explica que a gestão das escolas está sempre melhorando, especialmente devido a autonomia que o Estado vem dando para a direção e a APP nos últimos anos. “Agora, de maneira prática, resolvemos muitas demandas do dia a dia. Um exemplo é o CEPSC, Cartão de Pagamento do Estado de Santa Catarina, que foi disponibilizado para que a escola possa fazer compra de materiais como torneiras, lâmpadas e resmas de papel, coisas que antes eram pagas pela APP” diz Francieli.
Outra fonte que ajuda a manter a escola é o PDDE, Programa Dinheiro Direto na Escola, recurso anual disponibilizado pelo Governo Federal para todas as escolas do Brasil. O valor vem de acordo com o número de alunos no ano anterior ao recebimento. O último valor recebido pela EEB Claudino Crestani foi de aproximadamente R$ 16 mil.
Há décadas as escolas estaduais de Santa Catarina costumam realizar eventos para arrecadar dinheiro. Em Palma Sola o evento mais tradicional é a Festa Junina, que em razão da pandemia não foi realizado em 2020 e não será realizado este ano. “Por isto a necessidade de parceiros para concretizarmos projetos como a pintura das salas de aula” finaliza a equipe da direção da escola.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »