20/09/2021 às 10h04min - Atualizada em 20/09/2021 às 10h04min

Projeto para diminuir o valor do combustível no estado

Conforme a proposta do deputado Lima, o governo estadual ficaria impedido de cobrar ICMS sobre combustíveis vendidos pelos postos de revenda ao consumidor final

Jornal da Fronteira
Divulgação
O deputado Sargento Lima (PL) apresentou projeto de lei na Alesc, nesta sexta-feira (18), propondo alterar a forma de cobrança de ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) sobre os combustíveis. Ele justifica que, hoje, a forma de cálculo utilizada pelo Governo do Estado penaliza o consumidor, que paga mais caro. Em Santa Catarina, os donos de automóveis estão pagando em torno de R$ 6 o litro da gasolina.
Conforme a proposta de Lima, o governo estadual ficaria impedido de cobrar ICMS sobre combustíveis vendidos pelos postos de revenda ao consumidor final. A cobrança ficaria restrita à comercialização e à industrialização realizada somente pelas refinarias. E no caso de postos de abastecimento adquirirem o combustível diretamente de outros Estados, então a incidência do ICMS ocorreria no momento da compra.
Segundo o deputado, a cobrança ao consumidor precisa de “mais clareza” e “proporcionar maior controle e melhor fiscalização pelos órgãos fazendários e pelo consumidor”. Assim, enfatiza Sargento Lima, será garantida a cobrança correta do imposto sobre a circulação de combustíveis e lubrificantes vendidos e distribuídos pelas refinarias.

Receba as notícias do Portal Sentinela do Oeste no seu telefone celular! Faça parte do nosso grupo de WhatsApp através do link: https://chat.whatsapp.com/Bzw88xzR5FYAnE8QTacBc0
Siga nosso Instagram: https://www.instagram.com/jornalsentinela/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »