29/05/2021 às 11h03min - Atualizada em 29/05/2021 às 11h03min

Não existem imprevistos

Coluna de opinião do jornal impresso

Parece loucura dizer isso, não é? Mas, se pensarmos por uma lógica diferente da qual estamos acostumados, podemos chegar mais ou menos a essa conclusão.
Vamos construir o pensamento começando com a definição do que é um imprevisto, segundo o dicionário imprevisto é aquilo que não foi previsto; é algo inesperado. No entanto, se partirmos da premissa de que sabemos que imprevistos acontecem, nas mais diversas áreas, nós temos duas opções bem plausíveis.
A primeira é acreditar que imprevistos acontecem, mas que não há nada que podemos fazer quanto a isso, esperar eles acontecerem para só então pensar a respeito e contar com a sorte, desejando profundamente que eles nunca aconteçam.
A segunda é, saber que imprevistos acontecem, tentar levar uma vida previamente organizada, possuindo algumas cartas na manga, como por exemplo: uma reserva de dinheiro para ser usada em caso de emergência, ter uma ou duas pessoas de confiança que você saiba que pode contar com elas num momento de necessidade, manter um “plano B” pronto, entender que por mais que você planeje, muitas coisas podem sair do seu controle e você precisará lidar com isso.
Se você estiver consciente de que coisas vão acontecer (em todas as áreas, família, trabalho, estudo, negócios) e farão com que sua vida saia do plano original, quando elas realmente acontecerem não são 100% surpresa, afinal você já sabia que algo poderia sair diferente do esperado, e assim fica mais fácil não “perder a cabeça” e conseguir lidar com a situação de uma forma mais assertiva.
Por exemplo, suponhamos que você tem um carro, ele tem 4 pneus e um estepe. Quando você considera que imprevistos acontecem e vai pegar a estrada, o ideal é você verificar a condição do estepe e ter na agenda salvo o contato de algum mecânico ou borracheiro que possa te ajudar caso precise. Afinal de contas não é uma questão de “se um pneu furar” e sim de “quando o pneu furar”, mais dia, menos dia, isso vai acontecer (ou o pneu, ou algo em outra parte do carro). O que quero dizer é: se você está vivo saiba que em algum momento um “imprevisto” vai acontecer, esteja ciente disso, e tente se organizar para que quando o imprevisto vier você já saiba mais ou menos o que deve fazer, não seja pego totalmente de surpresa.
O ponto chave é conseguir se preparar para as coisas do mundo (ou seja, não ser ingênuo nem bobo), sem se tornar uma pessoa ansiosa e que sofre com as coisas por antecipação (ou seja, sofrer com a ansiedade). Se você sabe que imprevistos acontecem e se prepara para isso, eles não serão tão “imprevistos” assim.  


Receba as notícias do Portal Sentinela do Oeste no seu telefone celular! Faça parte do nosso grupo de WhatsApp através do link: https://chat.whatsapp.com/Bzw88xzR5FYAnE8QTacBc0
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »