22/07/2021 às 11h41min - Atualizada em 22/07/2021 às 11h41min

Só valoriza quando perde?

Coluna de opinião do jornal impresso

Você já ouviu alguma vez a frase: “Só dá o devido valor depois que perde”?
Essa frase é muito comum de ser usada no campo dos relacionamentos entre as pessoas. (E não apenas relacionamentos amorosos). Freud dizia que o ser humano é impulsionado pelo desejo, o problema é que só desejamos aquilo que não possuímos. Afinal, qual o sentido de desejar algo que já é seu?
Mas então, caso seja da nossa natureza viver uma busca constante por saciar o nosso desejo, e quando alcançamos isso passar a desejar outra coisa, como conseguir valorizar aquilo que temos, que conquistamos, que está ao nosso lado?
Penso que esse é o segredo das relações verdadeiramente felizes, saudáveis. É, você não precisar perder para só então reconhecer a importância de quem está ao seu lado. Ou seja, é você apreciar os momentos que passa ao lado dos seus pais, sem precisar que eles morram para só então se dar conta do quanto era gostoso chegar lá no fim de tarde e tomar um chimarrão.
Ou ainda, você reconhecer, valorizar e admirar as características do seu parceiro, suas qualidades, antes que o outro se afaste, para só então você perceber o quanto gosta dessa pessoa.
Você pode fazer um exercício mental: imagine como seria sua vida se você não tivesse mais aquela pessoa do seu lado, qualquer pessoa, seu pai, seu marido, seu amigo. Pense: de que coisas você sentiria falta? e então, elogie, demonstre, agradeça, valorize.
Você não precisa perder para valorizar. Não seja tonto(a)!
 
Por Francieli Perondi

Receba as notícias do Portal Sentinela do Oeste no seu telefone celular! Faça parte do nosso grupo de WhatsApp através do link: https://chat.whatsapp.com/Bzw88xzR5FYAnE8QTacBc0
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »